Trezentas famílias de Amador Bueno fazem artesanato para geração de renda


Com tecidos doados pelo Comitê de Solidariedade pela Vida e a orientação dos voluntários, 300 famílias de Amador Bueno estão confeccionando artesanatos para geração de renda familiar. Nesta semana, os participantes fizeram uma exposição com alguns de seus trabalhos que estão fazendo sucesso em Itapevi.

A iniciativa, que faz parte do Programa de Profissionalização e Geração de Renda do Comitê de Solidariedade pela Vida, está oferecendo aos cidadãos a oportunidade de descobrirem novos talentos, além, é claro, de garantir a sustentabilidade familiar e inserção no mercado de trabalho.

“Parabéns às famílias pela dedicação. Estamos felizes ao ver o talento destes cidadãos que aproveitaram esta oportunidade para geração de renda”, afirmou a presidente do Comitê de Solidariedade pela Vida, Dalvani Caramez.

Artesanato das famílias de Amador Bueno

Artesanato feito pelas famílias de Amador Bueno